quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Factos que constato

No sentindo de encontrar novos caminhos para o meu percurso, que  façam sentir dentro do mais profundo do meu ser, um imenso prazer, tenho me dado conta que por vezes basta apenas  mudar de berma para ver a vida acontecer à luz de uma nova perspectiva.
Os nosso hábitos mais enraizados limitam-nos e trazem-nos imensos receios com os quais temos medo de lidar, por isso, teimamos em seguir sempre o mesmo percurso, mesmo sentindo, bem nas entranhas do nosso coração, que não é o melhor para nós. 


google imagens


Muito Obrigada a todas que passam por cá, sem a vossa visita e os vossos comentários este espaço não teria, de modo absolutamente nenhum, o mesmo sentido.

Tenham um dia esplendido

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Mensagem inteligente



"Para acedermos a uma vida melhor, todos nós, sem excepção, temos de fazer mudanças na nossa forma de pensar. Porventura mais importante ainda é termos, todos nós , de fazer mudanças no nosso coração".

Robin Sharma

Bom dia para todos

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Coisas da adolescência

E depois há aquele sentimento que nos invade e nos diz que a sementeira está a ser bem feita, quando a minha mais velha, de 14 anos, passa a noite de sábado com a melhor amiga, nuns colchões colocados no chão da sala, a ver o Madagáscar pela vigésima vez (mais coisa menos coisas) só porque a amiga nunca tinha visto até ao fim e porque ela achou que valia a pena fazê-lo.


Isto depois de na noite de sexta ter visto pela sexta vez (mais coisa, menos coisa) o filme " O diário da nossa paixão" e mais uma vez ter chorado baba e ranho. A mulher cresce e a criança continua dentro dela, tal como se quer!


Bom dia para todos

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Momentos quem me fazem feliz

As coisas simples podem tornar os nossos dias em dias mágicos, basta deixar  a vida correr de acordo com as batidas dos coração, sem permitir que a mente atrapalhe. 
O sábado chuvoso e sombrio podia ser um dia triste se não tivesse que caminhar à chuva com a mais nova durante meia hora e não lhe tivesse permitido saltar em todas as poças  que encontrou pelo caminho. Ela gostou tanto e eu fiquei feliz de a ver feliz. Terminar o serão a fazer karaoke e dançar, dentro de casa, com as filhas e duas amigas de coração foi a cereja no topo do bolo.
O domingo esse acordou também entre chuviscos e a manhã foi aproveitada para jogar basquetebol (no hall da entrada) com a mais nova e para o pai aproveitar para lhe dar umas lições técnicas. Gosto tanto de ver pai e filhas nesta troca de momentos.
Na varanda de minha casa visualizo um bando de gaivotas a guinchar e que em voos circulares vão aterrando aos poucos no charco feito pela chuva ali ao lado, no campo agora sem milho. Paro a observá-las, com o meu Simba ao colo, ambos a tentar adivinhar-lhes as intenções. De repente um raio de sol brilha sobre o charco preto que por magia se transforma num charco prateado. A magia da natureza no seu melhor.
O dia termina de uma forma gostosa com um cheirinho de compota de abóbora com raspa de laranja e nozes, que se espalha pela casa. Oh, cheirinho bom de Outono!
A segunda não podia ter começado melhor. O dia amanheceu com um gostoso sol morninho e a caminho do trabalho (tenho a fantástica possibilidade de o poder fazer a pé), de repente um bando de dezenas de pássaros cruza os céus sobre a minha cabeça e eu parei a observá-los, fascinada com o aquele cenário e surpreendida com o bater mais acelerado do meu coração. Natureza maravilhosa!

Imagem de google



BOM DIA PARA TODOS E 

UMA SEMANA MUITO FELIZ

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Mensagem inteligente


"Que ao nosso coração seja sempre invisível o que não tem qualquer contributo para o nosso crescimento e  visível tudo aquilo que contribui para sermos melhores e mais felizes".
Eu própria

Tenham um fim-de-semana com o coração cheio de amor, paz  e harmonia.




Bom dia para todos

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Cumplicidades

Terminado o dia com chuva, muita chuva e até um bocado aborrecida porque a máquina de lavar roupa pifou mais uma vez e o meu "arranjador" de máquinas esqueceu-se de aparecer, acabei por canalizar a minha birra para coisas mais positivas. Depois de deitar a minha mais novinha, acabei na banheira com a minha mais velha. Foi tão gostoso ficarmos ali as duas a conversar das coisas dela que a apoquentam e das coisas que a fazem feliz, a recordarmos outros bons tempos, a tirar alguns fantasminhas do cérebro dela.
Diz-me ela: -"sabes mãe, já tinha saudades de tomar banho contigo". Tão bom sentir que a nossa intimidade lhe faz bem, nos faz bem!

Google imagens

Estes momentos de cumplicidade que nos fazem tão bem às duas, eu vou guardar no coração (ela de certeza que também guardará no dela).

Bom dia para todos!


quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Músicas que não se esquecem

Refletindo nesta dualidade de sentimentos, que tantas vezes afecta qualquer um de nós, aqui ficam duas vozes para exemplificá-la.



Não sou amante de rap, de fado gosto. Os dois estilos unidos acho que funcionaram lindamente na transmissão de esta bela mensagem.

Até amanhã

Simba

Vai que a gente acorda de bem com a vida, acreditando que qualquer dia é ótimo para a gente se sentir feliz, mesmo que a chuva caía imparável lá fora.
Entre afazeres domésticos, saltar à corda com a mais nova, dançar com a mais velha (qualquer coisa parecido com isso!) decide dar um tratamento, tipo spa, ao cachorro. Banho de banheira, limpeza de orelhas, com hidratação das mesmas e corte de unhas. Limpinho e cheiroso, e eufórico com tanta remelice, salta para a cama da mais nova e faz um belo dum chichi no edredon. Lindo agradecimento! Mal me viro para lhe ralhar, mete o rabo entre as pernas, deita-se de barriga para o ar, patas dianteiras juntas a pedir desculpa pelo descuido, como quem implora perdão. Como não desculpar sua bichesa se mesmo não lhe dando por vezes a atenção devida, ele não deixa de nos receber com imensa alegria, quer a nossa ausência seja 5 minutos ou um dia inteiro!?

Os animais são o mais belo exemplo de amor incondicional com os quais tanto temos a aprender!



Mensagem inteligente


Créditos google imagens


" Lá longe, ao sol, encontram-se as minhas mais altas aspirações.
Poderei não alcançá-las, mas posso levantar os olhos e ver a sua beleza,
acreditar nelas e tentar segui-las."

Robin Sharma

BOM DIA!

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Histórias que nos fazem reflectir

No início de mais uma semana venho compartilhar convosco um e-mail que recebi..


"Um dia, um pai de família rica, grande empresário, levou seu filho para viajar até um lugarejo com o firme propósito de mostrar o quanto as pessoas podem ser pobres.



O objetivo era convencer o filho da necessidade de valorizar os bens materiais que possuía, o status, o prestígio social; o pai queria desde cedo passar esses valores para seu herdeiro.



Eles ficaram um dia e uma noite numa pequena casa de taipa, de um morador da fazenda de seu primo...


Quando retornavam da viagem, o pai perguntou ao filho:

- E aí, filhão, como foi a viagem para você?



- Muito boa, pai.



- Você viu a diferença entre viver com riqueza e viver na pobreza?


- Sim pai! Retrucou o filho, pensativamente.

- E o que você aprendeu, com tudo o que viu naquele lugar tão paupérrimo?

O menino respondeu:

- É pai, eu vi que nós temos só um cachorro em casa, e eles têm quatro.

- Nós temos uma piscina que alcança o meio do jardim, eles têm um riacho que não tem fim.

- Nós temos uma varanda coberta e iluminada com lâmpadas fluorescentes e eles têm as estrelas e a lua no céu.

- Nosso quintal vai até o portão de entrada e eles têm uma floresta inteirinha.

- Nós temos alguns canários numa gaiola eles têm todas as aves que a natureza pode oferecer-lhes, soltas!

O filho suspirou e continuou:

- E além do mais pai, observei que eles rezam antes de qualquer refeição, enquanto que nós em casa, sentamos à mesa e falamos de negócios, dinheiro, eventos sociais, daí comemos, empurramos o prato e pronto!

No quarto onde fui dormir com o António, passei vergonha, pois não sabia nem sequer rezar, enquanto que ele se ajoelhou e agradeceu a Deus por tudo, inclusive a nossa visita na casa deles. Lá em casa, vamos para o quarto, deitamos, assistimos à televisão e dormimos.

Outra coisa, pai, dormi na rede do António, enquanto que ele dormiu no chão, pois não havia uma rede para cada um de nós.

Na nossa casa colocamos a Maristela, nossa empregada, para dormir naquele quarto onde guardamos entulhos, sem nenhum conforto, apesar de termos camas macias e cheirosas a mais.

Conforme o garoto falava, seu pai ficava estupefacto, sem graça e envergonhado.


O filho na sua sábia ingenuidade e no seu brilhante desabafo, levantou-se e abraçou o pai. "

Bom dia para todos

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Por trás da birra



Quando temos a certeza dentro de nós que a força da calma e da firmeza podem tornar o nosso dia, num dia lindo,  nada nos tirará da nossa rota, nem mesmo as birras matinais da minha pequena logo ao acordar. Por traz da birra há sempre um medo, quer dela, quer de outra pessoa qualquer, chegar a esse medo é a única maneira de eliminar a birra e fazer do mau momento, um bom momento!

Que cada segunda-feira  seja sempre a oportunidade de novos recomeços ou uma nova oportunidade de fazer diferente.Vamos aproveitá-la?!

Uma semana maravilhosa para todos

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Gratidão

Acordei ao som dos trovões que rasgavam os céus. Apeteceu-me encolher e ficar no aconchego da minha cama quentinha. O relógio não pára. de um impulso levantei-me ao som da chuva que já caía determinada, envolta em rajadas de vento. Enquanto me arranjava e fazia festas ao meu Simba, senti uma paz enorme dentro do meu peito. Com a sensação que este dia seria um bom dia, um dia feliz. 
Quando saí de casa a chuva tinha silenciado e o céu manchado de nuvens escuras deixou passar uns raios de sol que me atingiram com uma luz divina e eu agradeci a Deus. Senti-me tão feliz e com uma vontade de sorrir e abraçar tudo e todos.
"As tempestades" são importantes para valorizarmos de uma outra forma a simplicidade intensa de um raio de sol. São elas que nos fazem reflectir, crescer e valorizar o que há de melhor na vida! 


imagem retirado do tumblr


Um dia feliz para todos e um maravilhoso fim-de-semana


quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Post com dedicatória

Este post é inteiramente dedicado à minha querida amiga Rosinha. Porque me entristece vê-la tão em baixo


" Um dia ainda vais olhar para traz
e vais perceber que os obstáculos com que te confrontas hoje
eram apenas os degraus que te ajudaram a chegar ao sucesso".

Tu és forte, mais forte do que pensas, por isso não te deixes abater, vais dar a volta por cima, vais ver!


Termino com esta musiquinha aqui, para afuguentar o pessismismo


Beijinhos Rosinha, as nuvens vão passar!

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Música que não se esquece

E porque a vida  é bela, hoje acordei com esta música na cabeça


Kisses!


Mensagem inteligente

Quando a esperança, a fé e o positivismo são fortes  como um carvalho

imagem do tumblr

a tranquilidade e o sorriso por pouco tempo se ausentarão da nosso coração.
Agradecer sempre pelo que temos, dá-nos um serenidade para conseguir, ainda que lentamente, aquilo que necessitamos ainda!

Abraço imenso para todos

Um dia feliz

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Compra do ano

Acabei de fazer a compra do ano ( com portes incluídos )
Sabem este livro de que vos falei,


que me foi recomendado, pois é, acabei agora mesmo de adquiri-lo por 17 cêntimos!!!, através da Wook. 
Com os pontos que adquiri com a compra dos livros escolares da minha mais nova (os da mais velha são do ano passado, de um amiga que lhos passou) mais a promoção de 10% que o livro tinha de momento, feitas as contas precisei de pagar apenas esta quantia!! Nunca tal me aconteceu! Estranhei até ter de pagar este valor por multibanco que quase me enganava e pagava 17 euros!
I`m so happy!
Coisas simples e que parecendo tão pequenas, nos fazem ganhar o dia!

Gratidão


Apesar dos momentos menos bons, que por vezes nos abalam, há sempre motivos para agradecer, é só espreitar pela janela da alma.

Saber mais, perguntando menos

Todas as palavras, todas as atitudes, da minha pequena, são sempre analisadas por mim, de forma a encontrar o máximo de  pistas para as suas reações, uma vez que ela não me responda a muitas perguntas que lhe faço. Por vezes sei mais, perguntando menos.
Há dias dizia-me ela: "-mãe, coitada da Leonor!", pergunto porquê e diz-me ela "- porque ela, como eu, cresceu muito depressa, para além disso é também muito gordinha, por isso também já não deve ter colo há mais tempo do que eu". 
Fiquei a pensar nisto e tenho aproveitado para lhe dar mais colo do que o habitual, mesmo sentada, pois que o seu 1,33 m e os seus 33 kg de peso já não me permitem muito mais do que isso.

créditos

Tenham uma semana muito feliz

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Quando somos nós a precisar da consulta

A consulta de psicologia infantil foi hoje e correu bem.
 O Dr. Pedro Vaz diz que não vê nada a nível de psicológico, uma vez que estes episódios de demonstração de frustração, envolvendo a  agressividade, só me envolvem a mim, pois que com o pai e na escola o comportamento é normal. O não aceitar falhar  faz parte do seu crescimento, dentro da sua forte personalidade. Diz também que esta nova etapa (1º ciclo) também pode trazer estes comportamentos por conta da adaptação a novas exigências, por isso teremos nova consulta no 2º período escolar para avaliar o quadro descrito. O conselho, para ela aprender a lidar melhor com a frustração, é colocá-la num desporto de grupo.
Diz também que eu sou s o seu escape, para o bem e para o mal, dado ser a pessoa mais presente na vida dela ( aqui eu já tinha chegado) e por isso mesmo acabo por ser, naturalmente, a  mais permissiva.
Finalmente, concluiu que a pessoa que realmente precisa de ajuda na forma de contornar esta situação sou eu.
Francamente venho imensamente aliviada  porque não há patologia, por outro lado venho apreensiva quanto ao caminho que tenho de fazer para obter os resultados esperados. E no fundo, bem no fundo, sentindo-me culpada por não estar a responder conforme deveria.
Os conselhos imediatos que me foram dados são estes: 

ler este livro
 e mais este



Pois então vamos lá comprar as ferramentas, se depende só de mim, vou usar tudo o que for aconselhado para ter uma criança mais confiante e serena!

Tenham um bom dia e obrigada por toda a força que me têm dado!


terça-feira, 4 de novembro de 2014

Constante aprendizagem

Quando chegamos perto dos 45 a achar que basta o amor, o afecto, os diálogos, as brincadeiras, as cumplicidades e os mimos para com os filhos para  que eles sejam crianças calmas e felizes e vimos a constatar que não é assim, ficamos à toa. Culpamo-nos e procuramos descobrir onde falhamos. 
Ninguém está preparado para perceber que um filho a quem entregamos todo o nosso amor, tudo o que há de melhor,  tem um problema psicológico que não pode ser resolvido por nós; que apesar de todo os nosso esforço em aumentar-lhe a auto-estima, a confiança, que mesmo assim, não conseguimos lá chegar; que a frustração dela por falhar pode tornar-se violenta e agressiva; que para ele aprender a treinar é estar 2,3,4 horas a tentar fazer a mesma coisa até conseguir; que não tem noção que determinadas coisas a que se propõe são superiores às suas aptidões. É desgastante emocionalmente, para os pais e para a criança.
Esta conversa toda vem em seguimento deste post.
A minha mais nova  sempre teve um problema em lidar com a frustração,  mas eu sempre achei que teria a ver com uma imaturidade da parte dela e com a sua personalidade. Agora, que ela se encontra no 1º ano venho a deparar-me, diariamente, com episódios de descontrolo emocional, levando-a a ser, constantemente, agressiva. Não há nada que eu faça, nem diálogo, nem miminhos, nem abraços que façam com que se acalme. Quer saber tudo na ponta da língua quando chegar à escola, que não aceita que eu lhe coloque horário limite para os trabalhos, nem para o estudo ( tenho de colocar na mesma e lá tenho eu mais uma episódio de descontrolo). Ela para não falhar, na hora de ler, tenta decorar tudo o que a professora lhe mandou fazer  e, vezes tem, que até à hora de ir dormir ela se põe a dizer tudo decore até à exaustão.  
Perante este cenário desgastante conclui que tinha de procurar ajuda, uma vez que já não tinha capacidade emocional para aguentar e, acima de tudo, porque o problema não diminuiu. Falei com o Pediatra e com a professora e ambos comungaram da opinião de procurar um psicólogo infantil. 
Neste momento eu iniciei  medicação para ficar mais calma, e aguardo consulta de psicologia para ela que será ainda esta semana.
Tenho muito esperança que nós, junto com a nossa menina consigamos, com ajuda do psicólogo, encontrar ferramentas para contornar a sua frustração tão auto-destrutiva  e aumentar a sua auto-estima!


Um bom dia para todos

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

As cores da vida

Apesar da chuva e do frio, nunca percam a capacidade de ver todas as cores, elas estão por todo lado!


Tenham uma semana excelente e sejam muito felizes.