quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

A minha adolescente há já uns meses decidiu que seria ela a arranjar as sobrancelhas, que já não precisava da minha ajuda. Na verdade enganou-se, porque fez asneira. Na semana passada decidiu que não estavam bem assim, que estavam muito rectas e que as queria mais arqueadas. Consumiu-me a paciência  para ir com ela à esteticista, depois de eu lhe dizer que enquanto elas não crescessem completamente, não valeria a pena. E porque parecia uma desmazelada, e porque não se sentia bem assim e porque.... O aspecto físico tem a importância toda, nesta idade, e nunca se está como se quer :(.
Depois de muito diálogo, consegui convencê-la que eu era capaz de as ir compondo aos poucos, dando-lhe um ar mais arranjado. Foi o que fiz. Com um lápis preto fiz o formato que ela pretendia que elas tivessem. Depois retirei todas as que estavam fora do desenho e finalmente compus um pouco com lápis preto as que ainda estavam,  pequenas. 
Ontem, na busca de orientação para melhores resultados, descobri estas dicas http://coisaspramulheres.blogspot.pt/2011/05/manual-da-sobrancelha-em-10-passos-como.html, que me ensinaram coisas muito importantes e que acho interessante ser do conhecimento de todas as mulheres que gostam de se arranjar.

Bom dia 

3 comentários:

  1. Tenho sorte com as minhas sobrancelhas. Não são umas “bestas indomáveis”, mas como é óbvio precisam sempre de um jeitinho. As dicas do link são excelentes. Obrigada pela partilha :)

    ResponderEliminar
  2. Por aqui...sempre arranjei as minhas sobrancelhas...mas falta de visão ao perto...diminuiu essa possibilidade...e hoje estou nas mãos da minha filha para o fazer!
    Vou espreitar a sua sugestão!
    Bj amigo

    ResponderEliminar
  3. Por cá aAna arranja as dela, comecei por ser eu e agora é ela que por vezes cuidas das minhas, á esteticista só vamos uma vez por mês e as vezes nem isso.
    Vou espreitar as dicas :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Agradeço a visita. Volte sempre!