quarta-feira, 4 de março de 2015

Uma outra D. Maria, senhora que conheço há tantos anos, nem sei quantos, noventa anos de força, desenvoltura, altivez, coragem. As perdas porque passou já foram muitas. Mas nada a fez cair. A garra com que se agarra à vida é um exemplo que me comove. 
Aqui há tempos, perante o diagnóstico de cancro da mama, dizia ela que nunca lhe ocorreria chegar aos 90 ainda e ter de passar por isso. Ficou triste, mas não desanimou, nem por um momento. A cirurgia correu muito bem e não lhe foi retirado muito tecido. O pós operatório foi um bocadinho chato porque: - eu nunca tinha tomado quaisquer medicamento para dormir, dizia-me ela, por isso, a dose pôs-me a dormir imensas horas, com alucinações pelo meio.
Passados 8 dias da alta hospitalar já esteve no campo a semear feijões, porque não se pode deixar passar a época, dizia ela. Agora quando vieram os resultados das análises, espero que não seja preciso mais nada, mas se for, paciência, tem de se enfrentar para ver se se anda por cá mais um tempinho.
Gosto muito desta doce e forte velhinha. Do carinho com que me segura as mãos e do sorriso aberto quando fala comigo. Exemplo de vida que tanto me toca!


Bom dia a todos :)

4 comentários:

  1. Que lindo exemplo de vida essa D.maria para quem desejo muita saúde e que tudo corra bem.E que possa colher muitos feijões ainda! bjs às duas,chica

    ResponderEliminar
  2. Estas pessoas mais idosas vão buscar forças não sei onde, que vontade de viver... Espero que fique boa depressa, ainda é preciso que alguém plante feijões :)

    ResponderEliminar
  3. Que bonito. Encontro muitas semelhanças entre a D. Maria e a minha prima Maria de quem falo no meu blog. Se tiver curiosidade, dê uma vista de olhos aqui:

    http://notasdecha.blogspot.pt/2015/01/a-minha-prima-m.html

    ResponderEliminar
  4. Existem pessoas assim, felizmente, pessoas que olhamos para elas e sentimos que os nossos sofrimentos não são nada a sua beira e mesmoassim conseguem encarrar a vida e tudo o que ela lhes traz com uma coragem e força fora do normal.
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Agradeço a visita. Volte sempre!